Windows Live Messenger + Facebook

quinta-feira, 16 de julho de 2015

carros modernos 

A queda nas vendas no Brasil prejudicou a modernização dos automóveis em 2014. É o que revela um levantamento inédito produzido pelo iG. A terceira edição da pesquisa que apresenta a média de idade dos modelos vendidos no país constatou que as 20 maiores marcas têm em suas concessionárias veículos com 3,9 anos de idade desde o lançamento no mercado – em 2013, essa média era de 3,5 anos.
Com as dificuldades em dar vazão à produção, muitas marcas acabaram suprimindo modelos do portfólio, mesmo modernos. “Veículos novos como o Sonic e o Peugeot 508 acabaram deixando de ser vendidos devido à baixa demanda”, explica o editor do iG Carros, Ricardo Meier, autor do levantamento. “Mas quem investiu está colhendo os frutos”, conclui.
É o caso da Honda  a marca que conquistou o 1º lugar na pesquisa de 2014. Com apenas 1,2 ano de média de idade, os modelos da marca japonesa têm elevado suas vendas no segundo semestre. “A Honda só não vendeu mais este ano porque tem limitação de produção em Sumaré”, observa Meier. “Isso deve acabar com a inauguração da nova fábrica de Itirapina”